Your browser is out-of-date.

In order to have a more interesting navigation, we suggest upgrading your browser, clicking in one of the following links.
All browsers are free and easy to install.

 
  • in vitruvius
    • in magazines
    • in journal
  • \/
  •  

research

magazines

newspaper

news

Resultado foi anunciado em cerimônia do Dia Nacional do Arquiteto e Urbanista

Arquitetos e urbanistas, representantes da sociedade civil organizada, parceiros e estudantes dos cursos de arquitetura e urbanismo do estado do Rio de Janeiro lotaram, na terça-feira, 18 de dezembro, o Teatro Nelson Rodrigues, no Centro da capital fluminense, para acompanhar a Plenária Solene do Dia Nacional do Arquiteto e Urbanista. Evento, promovido pelo CAU/RJ, foi marcado por reencontros e homenagens à Marielle Franco e ao Sérgio Bernardes, além do aguardado anúncio dos vencedores do Prêmio Grandjean de Montigny 2018.

O projeto “OVO / Gastronomia com Origem – Uma Escola de Ecogastronomia em Botafogo”, da Thais Iendrick, da Escola de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal Fluminense - UFF, com orientação da professora  Anna Rachel Baracho Eduardo Julianelli, foi o grande vencedor do Prêmio Grandjean de Montigny 2018. De acordo com a comissão julgadora da premiação, composta pelos arquitetos e urbanista Luiz Carlos Toledo (presidente do júri), Tainá de Paula e Celso Girafa, o trabalho se detém às questões de conforto ambiental e sustentabilidade, temas importantes da arquitetura contemporânea. “O arranjo e dimensionamento dos espaços, a separação de fluxos e organização dos acessos atendem de forma apropriada ao programa estabelecido”, afirmou o júri na ata de julgamento.
Tainá de Souza, com o trabalho “Ocupações ribeirinhas: da dependência petrolífera à resiliência local através da integração comercial”, e Maria Clara Barsotti Moraes, com “Tendas Ilê – Itinerantes, leves, educativas”, completam a lista de vencedores, em segundo e terceiro lugar, respectivamente. Ambas são alunas da PUC-Rio. A primeira teve como orientador o professor Carlos Eduardo Spencer. Vera Hazan e Fernando Betim foram os orientadores de Maria Clara.
O CAU/RJ inovou na edição 2018 do Prêmio Grandjean de Montigny. Além de aumentar o número de vencedores, o Conselho julgou mais interessante os vencedores escolherem os destinos da viagem de estudo. Como grande vencedora da premiação, Thais poderá escolher qualquer cidade da américa latina para visitar e receberá R$ 8 mil a título de ajuda de custo. As autoras classificadas em segundo e terceiro lugar farão viagem de estudo no território nacional, nos valores totais de R$ 3 mil e R$ 2 mil, nesta ordem.
Ao fazer o balanço do primeiro ano da gestão 2018-2020, a presidente em exercício do CAU/RJ, Maria Isabel V. P.  Tostes, destacou a criação das comissões de equidade, de acessibilidade e de assistência técnica de habitação de interesse social. Lembrou ainda a participação da vereadora Marielle Franco no evento “Arquitetura Substantivo Feminino”, dias antes da sua execução. Anunciou também 2019 como o Ano Bernardes. “Sérgio Bernardes, arquiteto e urbanista, professor de tantos aqui presente, completaria 100 anos em abril do próximo ano. Conclamamos a todas as instituições de ensino do estado do Rio de Janeiro e do país a prestar essa merecida homenagem”, afirmou.
Durante a solenidade, o CAU/RJ entregou os certificados aos responsáveis técnicos pelos projetos selecionados nos editais de Patrocínio Cultural e de Apoio à Assistência Técnica de Habitação de Interesse Social.
Homenagem ao arquiteto e urbanista Luiz Carlos Toledo
Egresso da turma de 1966 da Faculdade de Arquitetura e urbanismo da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Luiz Carlos Toledo é reconhecido e admirado pelos colegas. Motivos não faltam. A qualidade dos seus projetos, alguns premiados, e sua militância em defesa do direito à moradia e à cidade falam por si só. Em reconhecimento a tal trajetória profissional, o CAU/RJ o homenageou, convidando o arquiteto e urbanista a participar como presidente do júri do Prêmio Grandjean de Montigny. Figura de papo fácil e agradável, Toledo brindou a todos que participaram da solenidade do Dia Nacional do Arquiteto e Urbanista com várias histórias, desde as aventuras com os amigos da faculdade no seu histórico fusca, às reuniões do escritório no boteco da Rocinha, quando desenvolviam o Plano Diretor da comunidade.
As recordações não ofuscaram as novas empreitadas. Ao falar das ações desenvolvidas pela Casa de Estudos Urbanos, na Glória, a emoção falou mais alto e o “velhinho” hipnotizou de vez o público. Cercado de jovens e aguerridos arquitetos e urbanistas, Toledo tornou o escritório um espaço cultural, colaborativo e da cidade.
Antes de concluir sua participação no evento, Toledo falou da importância da militância dos arquitetos e urbanistas. Lembrou também de quando os moradores da Rocinha, em 2013, tomaram o asfalto para reivindicar investimentos em saneamento. À época, a prefeitura defendia a instalação de teleférico na comunidade. “Ao ver aquela cena, dos moradores nas ruas defendendo investimentos em outras áreas, como em saneamento básico, senti o maior orgulho de ser arquiteto e urbanista”, afirmou.
Antes do coquetel de confraternização servido pelo CAU/RJ, o público foi brindado com a apresentação do show “Pixinguinha: o arquiteto do choro”, protagonizado por Henrique Cazes. Primeiro professor de cavaquinho do ensino superior no Brasil, Cazes é instrumentista, compositor e produtor musical. Henrique Cazes Trio interpretou clássicos de Pixinguinha, como Rosa, Carinhoso, Naquele Tempo, entre outros.
Maíra Rocha, Pedro Da Luz Moreira, Isabel Vasconcelos Porto Tostes e Lucas Franco, homenagem a Marielle Franco<br />Foto Igor De Vetyemy Ipãmakãyê Pataxó

Maíra Rocha, Pedro Da Luz Moreira, Isabel Vasconcelos Porto Tostes e Lucas Franco, homenagem a Marielle Franco
Foto Igor De Vetyemy Ipãmakãyê Pataxó

Maíra Rocha, Pedro Da Luz Moreira, Isabel Vasconcelos Porto Tostes e Lucas Franco, homenagem a Sergio Bernardes<br />Foto Igor De Vetyemy Ipãmakãyê Pataxó

Maíra Rocha, Pedro Da Luz Moreira, Isabel Vasconcelos Porto Tostes e Lucas Franco, homenagem a Sergio Bernardes
Foto Igor De Vetyemy Ipãmakãyê Pataxó

Homenagem a Luiz Carlos Toledo, sentado à direita<br />Foto Igor De Vetyemy Ipãmakãyê Pataxó

Homenagem a Luiz Carlos Toledo, sentado à direita
Foto Igor De Vetyemy Ipãmakãyê Pataxó

Thaís Iendrick, vencedora do Prêmio Grandjean de Montigny 2018<br />Foto divulgação

Thaís Iendrick, vencedora do Prêmio Grandjean de Montigny 2018
Foto divulgação

Thaís Iendrick vence Prêmio Grandjean de Montigny 2018

source
CAU RJ
Rio de Janeiro RJ

share


© 2000–2019 Vitruvius
All rights reserved

The sources are always responsible for the accuracy of the information provided