Your browser is out-of-date.

In order to have a more interesting navigation, we suggest upgrading your browser, clicking in one of the following links.
All browsers are free and easy to install.

 
  • in vitruvius
    • in magazines
    • in journal
  • \/
  •  

research

magazines

interview ISSN 2175-6708

abstracts

português
A constituição do Conselho de Arquitetura e Urbanismo tem em Daniel Amor um personagem importante. À frente do Sindicato de Arquitetos de São Paulo, o arquiteto uruguaio viveu momentos importantes e conviveu com personalidades destacadas.

how to quote

GUERRA, Abilio. Daniel Amor, presidente do Sindicato de Arquitetos de São Paulo. Entrevista, São Paulo, ano 13, n. 049.03, Vitruvius, fev. 2012 <http://www.vitruvius.com.br/revistas/read/entrevista/13.049/4212>.


Daniel Amor
Foto divulgação

O jovem uruguaio Daniel Amor chegou ao Brasil em 1976 tendo na bagagem o título de publicitário. Em 1982 tornou-se aluno de arquitetura da Faculdade Belas Artes, quando ainda a escola funcionava no prédio da Pinacoteca do Estado. Após um período de trancamento, retomou o curso, agora já nas dependências atuais da Vila Mariana, se formando em 1991. Durante estes dois períodos, foi aluno de professores destacados, como Flavio Império, Jorge Caron, Celio Pimenta, Mauro Bondi, Candi Hirano, Ives de Freitas, Antônio Domingos Battaglia, Nabil Bonduki, Anne Marie Sumner, Raquel Rolnik, Valeska Peres Pinto, Roberto Moreno, Luiz Augusto Contier, Luiz Carlos Chichierchio, Vasco de Mello, Walter Toscano e Turguenev Roberto de Oliveira, que foi seu orientador de trabalho de graduação

Daniel Amor e Nabil Bonduki, entregando diploma nas comemorações dos quarenta anos do Sasp
Foto divulgação

Graças á influência do arquiteto Ives de Freitas – seu professor e futuro presidente do Sindicato de Arquitetos e diretor do Contru –, Amor iniciou militância no Sasp ainda estudante. Depois de formado, ocupou o cargo de Conselheiros no Crea SP durante os mandatos de Valeska Peres Pinto, 1999-2001 e 2005-2007, sendo posteriormente eleito como presidente da entidade para o período se 2008-2010, sendo reeleito para o mandato ainda vigente, de 2011-2013.

Daniel Amor com deputado federal Marcos Martins e o arquiteto Miguel Pereira na gravação de programa da TV Assembleia sobre CAU e 40 anos do Sasp
Foto divulgação

Se coube a Ives de Freitas apresentá-lo ao Sindicato, foi o arquiteto Alfredo Paesani, primeiro presidente da entidade, quem seu tornou seu grande exemplo na militância sindical. Demonstrando grande respeito e admiração pelo mestre, falecido em 2010, Daniel Amor foi o mentor da outorga da medalha Anchieta pela Câmara Municipal de São Paulo a Paesani. Coincidência simbólica, Amor tomou conhecimento do falecimento do amigo durante uma audiência no Congresso Nacional, em Brasília, que discutia a criação do Conselho de Arquitetura e Urbanismo – CAU, pleiteada com entusiasmo por Paesani e a maioria dos arquitetos.

Daniel Amor entregando diploma de mérito a Paul Mendes da Rocha como membro da Comissão do Crea-SP
Foto divulgação

Na entrevista que se segue, Daniel Amor comenta sua trajetória sindical e emite opinião sobre aspectos diversos da área de arquitetura e urbanismo, como a criação do CAU, atuação profissional, atividades culturais e o futuro da profissão.

Daniel Amor sendo entrevistado pela Record News na sede do Sasp
Foto divulgação

comments

049.03
abstracts
how to quote

languages

original: português

share

049

049.01

Fredy Massad

Ricardo Batista and Ana Rita Sevilha

049.02

Entrevista com o arquiteto Paulo Casé

Antônio Agenor Barbosa

049.04

Cripta Djan Ivson, profissão pichador

Gustavo Lassala and Abilio Guerra

newspaper


© 2000–2019 Vitruvius
All rights reserved

The sources are always responsible for the accuracy of the information provided