Your browser is out-of-date.

In order to have a more interesting navigation, we suggest upgrading your browser, clicking in one of the following links.
All browsers are free and easy to install.

 
  • in vitruvius
    • in magazines
    • in journal
  • \/
  •  

research

magazines

interview ISSN 2175-6708

abstracts

português
O cineasta Roberto Gervitz comenta história, personagens, filmagem, fotografia de Lauro Escorel e diversos aspectos de seu novo filme, Prova de coragem, baseado no romance Mãos de cavalo, de Daniel Galera.

how to quote

STIVALETTI, Thiago. Roberto Gervitz e sua prova de coragem. Entrevista, São Paulo, ano 17, n. 066.01, Vitruvius, abr. 2016 <http://www.vitruvius.com.br/revistas/read/entrevista/17.066/6000>.


Roberto Gervitz durante a filmagem de Prova de coragem
Foto Rodrigo Baleia

Com quatro longas-metragens, Roberto Gervitz é dono de uma obra singular e multifacetada no cinema brasileiro. Estudante de Ciências Sociais nos anos 1970, ele atua como montador e editor de som antes de estrear como diretor com o documentário Braços cruzados, máquinas paradas, realizado em parceria com Sérgio Toledo, filme considerado um clássico do documentário político em nosso país, premiado no Festival de Leipzig e selecionado para o Festival de Berlim. Em 1987, sua estreia na ficção se dá com a adaptação do autobiográfico Feliz ano velho, de Marcelo Rubens Paiva, com grande sucesso de público (um milhão de espectadores) e oito prêmios no Festival de Gramado/88.

Paralelamente, Gervitz desenvolveu uma carreira como diretor de TV, em séries como Gente que faz — para a qual desenvolveu o formato cinematográfico e dirigiu cerca de noventa episódios — e Carandiru, outras histórias, na Globo, para a qual dirigiu quatro dos dez episódios.

Em 2004, roteiriza com Jorge Durán e dirige uma adaptação livre de um conto de Júlio Cortázar, o drama de longa-metragem Jogo subterrâneo, selecionado e premiado em importantes festivais internacionais e exibido em televisões a cabo em todo o mundo.

Em Prova de coragem, Gervitz filma em Porto Alegre e Farroupilha, no Rio Grande do Sul, o roteiro inspirado no livro Mãos de cavalo, de um dos escritores brasileiros mais renomados da nova geração, Daniel Galera.

Mariana Ximenes e Armando Babaioff como Adri e Hermano, filme Prova de coragem, de Roberto Gervitz
Foto divulgação

comments

066.01
abstracts
how to quote

languages

original: português

share

066

newspaper


© 2000–2017 Vitruvius
All rights reserved

The sources are always responsible for the accuracy of the information provided