Seu navegador está desatualizado.

Para experimentar uma navegação mais interessante, recomendamos que você o atualize clicando em um dos links ao lado.
Todos são gratuitos e fáceis de instalar.

 
  • em vitruvius
    • em revistas
    • em jornal
  • \/
  •  

pesquisa

revistas

drops ISSN 2175-6716

sinopses

português
A convalidação retroativa do curso de pós-graduação em arquitetura e urbanismo da Universidade Mackenzie até 1990, reconhecendo os títulos obtidos durante o período de 1990 a 2001, torna o curso em um dos mais antigos do país.

como citar

RIGHI, Roberto. Pós-graduação da FAU Mackenzie. Nascimento em 9 de agosto de 1990. Drops, São Paulo, ano 12, n. 057.05, Vitruvius, jun. 2012 <https://www.vitruvius.com.br/revistas/read/drops/12.057/4378>.



A proposta do curso de pós-graduação stricto sensu, mestrado e doutorado, da Universidade Presbiteriana Mackenzie na área de Arquitetura e Urbanismo foi enviada a Capes pela primeira vez em 9 de agosto de 1990. Decorrente disto havia até recentemente um processo em tramitação que tratava do pedido de convalidação de estudos e validação nacional de títulos obtidos de 14 mestrados e três doutorados sob a égide da Resolução CFE n° 5/83, ou seja, antes da publicação da Resolução CNE/CES n° 1/2001.

Felizmente a decisão é favorável, baseada no parecer CNE/CES Nº: 504/2011do relator Milton Linhares de 6 de dezembro de 2012 do processo Nº: 23001.000062/2010-97. Tudo isto foi homologado por Despacho do Ministro, publicado no Diário Oficial da União de 4 de Abril de 2012, seção 1, pág. 29, constante do website do Ministério da Educação (1). A resposta favorável mostra que tudo foi feito de acordo com o necessário na elaboração e desenvolvimento deste curso pioneiro.

É importante este fato à história da pós-graduação em Arquitetura e Urbanismo da UPM, pois agrega a ela mais de 10 anos. Em 22 de setembro de 2000, ela teve sua proposta mais recente avaliada e recomendada com conceito 3 (três) para implantação do curso de Arquitetura e Urbanismo, nível mestrado e mais recentemente no doutorado, que levou a continuidade e decisão retroativa tomada.

Esta convalidação é justa com os prestigiosos docentes externos de arquitetura e urbanismo que colaboraram de forma generosa e construtiva, como os doutores: Abrahão Sanovicz, Bruno Roberto Padovano, Carlos Eduardo Zahn, Eduardo Abdo Yazigi, Harold Cruz Hirth Jr, João W. Toscano, João da Rocha Lima JR, Maria de Assunção Ribeiro Franco e Paulo Julio Valentino Bruna.

Importância destacada na qualidade acadêmica alcançada deve ser atribuída aos professores doutores de disciplinas de fundamentação pedagógica e pesquisa, como: João Hilton Sayeg de Siqueira, José Octávio de Arruda Mello, Ligia Assumpção Amaral, Marcos Tarciso Masetto, Maria Marta Costa Hubner D’ Oliveira, Neusa Maria Oliveira Barbosa Bastos, Paulo Nathanael Pereira de Souza, Samuel Pfromm Netto, Vera Lucia Anselmi Melis e Wilma Rigolon.

Também, deve ser lembrado os que participaram de forma impar das bancas desta etapa como os professores doutores: Adilson Macedo, Anésia Barros Frota, Brenno Cyrino Nogueira, Carlos Westphal, Eduardo Corona, Geraldo Gomes Serra, Haroldo Gallo, Hugo Segawa, Issao Minami, José Cláudio Gomes, Ludovico Martino, Marise Vaz Bride, Percival Tirapeli, Sylvio de Barros Sawaya, Telmo Luiz Pamplona, Vicente Del Rio e outros.

O documento aprovado também agrega a todos estes valores inestimáveis, créditos pela participação de docentes ainda atuantes nesta pós-graduação, formadores do núcleo inicial constituído pelo autor deste artigo, que foi fundador e antigo coordenador; e os também os dedicados professores: Carlos Egídio Alonso e Nádia Somekh, que se alinharam na empreita.

O contexto da iniciativa do curso respondeu a um movimento autêntico de renovação acadêmica e cultural da FAU Mackenzie que permeou os anos oitenta do século passado, época da volta da liberdade ao Brasil, após duas décadas de regime autoritário. O curso foi concebido na Congregação e de pronto mobilizou confiante o corpo docente e discente para preparar-se e titular-se, numa época que apenas existia o curso de mestrado e doutorado da FAU USP. Na sequência o prestígio da Instituição angariou muitos alunos externos também certos da qualidade e segurança do curso nascente.

Infelizmente, o resultado do reconhecimento oficial tardou, mas faz justiça ao empenho de todos que participaram desta empreita, que coloca a pós-graduação em arquitetura e urbanismo da Universidade Mackenzie entre as primeiras do país, fazendo repetir em 1990 o pioneirismo do curso de graduação, que neste ano completa 65 anos de existência.

nota

1
http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_docman&task.

sobre o autor

Roberto Righi é professor doutor titular da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Presbiteriana Mackenzie.

Edifício Cristiano Stockler das Neves, Universidade Mackenzie, sede da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo
Foto Abilio Guerra

Edifício Mackenzie, Universidade Mackenzie, sede do Centro Histórico, local de reuniões e evento da pós em arquitetura
Foto Abilio Guerra

 

comentários

057.05
sinopses
como citar

idiomas

original: português

compartilhe

057

057.01

Uma reflexão sobre a lei do inquilinato

Walter Cardoso

057.02

In memory of Jorge Glusberg

Joseph Rykwert, Louise Noelle e Manuel Cuadra

057.03

Anish Kapoor no Grand Palais de Paris

Enquanto a obra não chega em Inhotim

Silvia Palazzi Zakia

057.04

Hábitos no habitar

Hábitos de morar e a criação do espaço arquitetônico

Alice de Almeida Barros

jornal


© 2000–2019 Vitruvius
Todos os direitos reservados

As informações são sempre responsabilidade da fonte citada