Your browser is out-of-date.

In order to have a more interesting navigation, we suggest upgrading your browser, clicking in one of the following links.
All browsers are free and easy to install.

 
  • in vitruvius
    • in magazines
    • in journal
  • \/
  •  

research

magazines

interview ISSN 2175-6708

abstracts

português
Leia a entrevista de Atsushi Kitagawara realizada em 1994 por Marcelo Tramontano

english
Read the interview of Atsushi Kitagawara made in 1994 by Marcelo Tramontano

español
Lea la entrevista de Atsushi Kitagawara hecha en 1994 por Marcelo Tramontano

how to quote

TRAMONTANO, Marcelo. Atsushi Kitagawara. Entrevista, São Paulo, ano 01, n. 004.02, Vitruvius, out. 2000 <https://www.vitruvius.com.br/revistas/read/entrevista/01.004/3349>.


 

Grande Pavilhão de Exposições Internacionais e Centro de Convenções, Fukushima, Japão. Arquiteto Atsushi Kitagawara

Entrevista com Atsushi Kitagawara

 Marcelo Tramontano

Enfant terrible da Arquitetura contemporânea japonesa, Atsushi Kitagawara costuma enfrentar as problemáticas que lhe são apresentadas com um raro vigor. Às vezes, chega ao ponto de, em plena atividade criativa, sofrer de um mal muscular que lhe paralisa o corpo, obrigando-o a retirar-se, só, em repouso absoluto, por vários dias. Sua arquitetura é, sabidamente, produto deste processo sofrido, de um envolvimento que ultrapassa os limites do emocional, do mero gesto plástico, mergulhando em porções pouco conhecidas de integração entre diferentes campos disciplinares. Kitagawara é capaz de mesclar filosofia, literatura, música e técnica na concepção de um único projeto, às vezes um minúsculo espaço sem função claramente definida, como aquele chamado de Mion-kaku, escondido em uma das muitas ruelas da capital japonesa. Ou então, surpreende-nos ao ir ao cerne de uma suposta espacialidade inerente à dança, revelando sua energia em projetos como o do Nederlands Dans Theater, de Jiri Kylian, ou em "In the middle, somewhat elevated". Kitagawara é, assim, amigo de coreógrafos, músicos, escritores, designers de moda, criando em torno de si um universo que se confunde, continuamente, com os pressupostos de sua arquitetura. Creating hollows, como ele mesmo costuma dizer.

Entrevistamos Atsushi Kitagawara em Tóquio, no dia 8 de julho de 1994. Foram cinco horas densas, ricas, prazerosas, das quais extraímos os trechos a seguir.

comments

004.02
abstracts
how to quote

languages

original: português

share

004

004.01

Toyo Ito

Fredy Massad and Alicia Guerrero Yeste

newspaper


© 2000–2019 Vitruvius
All rights reserved

The sources are always responsible for the accuracy of the information provided