Your browser is out-of-date.

In order to have a more interesting navigation, we suggest upgrading your browser, clicking in one of the following links.
All browsers are free and easy to install.

 
  • in vitruvius
    • in magazines
    • in journal
  • \/
  •  

research

magazines

interview ISSN 2175-6708

abstracts

português
O arquiteto e cenógrafo português João Mendes Ribeiro, fala de arquitetura efêmera, reciclagem e cenografia em entrevista a José Mateus, arquiteto do ARX Portugal

english
The architect and designer Portuguese João Mendes Ribeiro, speaks about ephemeral architecture, recycling and stage design in an interview with José Mateus, ARX Portugal architect

español
El arquitecto y escenógrafo portugués João Mendes Ribeiro, habla de arquitectura efímera, reciclaje y escenografía en la entrevista de José Mateus, arquitecto del ARX Portugal

how to quote

MATEUS, José. João Mendes Ribeiro. Entrevista, São Paulo, ano 05, n. 020.04, Vitruvius, out. 2004 <https://www.vitruvius.com.br/revistas/read/entrevista/05.020/3320>.


Vista da Sala de estar deste a mezanine
Foto João Mendes Ribeiro

José Mateus: Falando um pouco do modo como a casa se vê do exterior: qual era a sua intenção com este ripado virado para sudoeste.

João Mendes Ribeiro: O que existia era um plano de madeira onde aparentemente não havia portas nem janelas (estavam dissimuladas na fachada). Foi essa imagem um pouco abstrata que me agradou e que quis reter no projeto: um plano onde não se tem uma idéia exata da dimensão dos vãos. Por outro lado era necessário filtrar a luz nesta face fortemente exposta ao sol. A casa deveria funcionar como uma espécie de casa-de-fresco – espaço interior com uma forte comunicação com o exterior –, com um ripado fixo semelhante ao dos espigueiros através do qual passam linhas de luz. As janelas atrás do ripado abrem-se permitindo ventilar a sala que assim funciona como um espaço exterior.

JM: Como foram pensados os espaços exteriores em volta da casa?

JMR: Foi um trabalho conjunto com a arquiteta paisagista Teresa Alfaiate. O limite da propriedade será reconstruído sob a forma de muros de xisto, criando uma plataforma de assentamento da casa que hoje se encontra demasiado exposta. No lado Sul serão plantadas árvores de grande porte para criar sombra. Nesse lado existia um antigo pátio em lajedo de pedra que queremos recuperar como prolongamento exterior da sala de jantar. Esse pátio era protegido da rua por uma plantação de milho que queremos repor, para funcionar como peça de fechamento daquele espaço.

Palheiro. Vista e cortes

comments

020.04
abstracts
how to quote

languages

original: português

share

020

020.01

Willy Muller

Eduardo Pasquinelli

020.02

Manoel de Oliveira

Ana Sousa Dias

020.03

José Mateus e Nuno Mateus (ARX)

Pedro Jordão and Rui Mendes

newspaper


© 2000–2020 Vitruvius
All rights reserved

The sources are always responsible for the accuracy of the information provided