Your browser is out-of-date.

In order to have a more interesting navigation, we suggest upgrading your browser, clicking in one of the following links.
All browsers are free and easy to install.

 
  • in vitruvius
    • in magazines
    • in journal
  • \/
  •  

research

magazines

interview ISSN 2175-6708

abstracts

português
Sergio Rodrigues, um dos maiores designers brasileiros, concedeu em 2003 entrevista a Marcelo Bezerra onde comenta sua atuação profissional, processo de projeto, a descoberta do design, inspiração, local e contexto.

english
Interview of 2003 with the architect and designer Sergio Rodrigues for a master's research on his projects and projects components and ways to design. It also includes his opinions on design and architecture and the beginning of his career on the field.

español
Entrevista realizada en 2003 con el arquitecto y diseñador Sergio Rodrigues para la investigación de la Maestría sobre su forma de proyectar, los componentes del proyecto, su inicio en la profesión y sus opiniones sobre el Diseño y la Arquitectura.

how to quote

BEZERRA, Marcelo. Entrevista com o designer Sergio Rodrigues. Entrevista, São Paulo, ano 16, n. 063.05, Vitruvius, set. 2015 <https://www.vitruvius.com.br/revistas/read/entrevista/16.063/5661>.


Estudos Interior
Acervo Instituto Sergio Rodrigues


Marcelo Bezerra: Qual a diferença conceitual entre arquitetura e design (projeto de produto)?

Sergio Rodrigues: Eu diria o seguinte, que os dois tem a mesmas raízes, primeiro é arquitetura, arquitetura é a necessidade, vamos dizer em palavras simples, a necessidade de abrigar, não só de abrigar, não seria só o abrigo, mas o abrigo bonito, o abrigo belo, em princípio. E o design o produto, seria os complementos dessa arquitetura, necessários para que essa arquitetura pudesse ser utilizada. Então os dois têm as mesmas raízes. Os dois são criação, os desenvolvimentos são semelhantes, um seria, eu chamaria, de um tamanho um pouco maior. Os dois tem relação com o homem, sendo que o design tem muito mais diretamente com o homem, porque o homem está usando, está sentando, tendo um contato muito maior. O outro já é um espaço que poderia ser maior ou menor, mas não influi tanto quanto o design na realidade, essa verdadeira proporção é que vai criar a verdadeira arquitetura bela.

MB: Quais as características que diferenciam?

SR: Você tem, no caso da arquitetura [...] a construção do abrigo poderia ser um pouco desproporcional, que resolveria o problema dos espaços. Já uma cadeira não pode ser desproporcional, porque ela é relativa as proporções humanas diretamente. O camarada não pode sentar numa cadeira que não seja confortável, então tem que se estudar a parte de ergonomia, muito mais exata, muito mais perfeita, no desenho de produto. Agora a arquitetura, é claro que você tem além do abrigo, o material, a beleza, a proporção, a parte cultural, influenciando também, mas o foco é outro, o pensar no projeto é outro.

MB: O que você acha do arquiteto fazer desenho de produto? Você tem a oportunidade de atuar nas duas áreas.

SR: Eu acho isso aí uma coisa maravilhosa, a maioria das casas que eu tenho projetado, como eu digo, inclusive a alunos e a pessoas com quem eu converso, como estagiários, que você não pode fazer um projeto de arquitetura sem conhecer elementos básicos de ambientação, distribuição de mobiliário. Por que você quando faz uma arquitetura considera uma sala, um quarto, coloca os móveis, não o estilo, nem coisa nenhuma, mas sim o volume do móvel deve estar indicado, porque, se uma sala foi feita para determinada função, tem que ter os móveis principais colocados pelo menos em duas ou três possibilidades. Em um banheiro, quando você compra um apartamento, uma casa pronta, você compra com as peças sanitárias colocadas na posição. Porque que você coloca no projeto essas peças e o resto todo vai vazio? Porque você chegou numa conclusão, que aquelas peças naquela posição resolvem o problema do banheiro? Então porque que nos outros ambientes não dão?

Cadeira Lucio
Foto Marcelo de Mattos Bezerra

 

comments

063.05
abstracts
how to quote

languages

original: português

share

063

063.01

Entrevista com Maria Madalena Pinto da Silva

Júlia Coelho Kotchetkoff

063.02

Entrevista com o arquiteto Peter Mehrtens

Gabriela Celani, Wilson Barbosa Neto and Juarez Moara Santos Franco

063.03

Entrevista com Eduardo Souto de Moura

Isa Clara Neves

063.04

Entrevista com a arquiteta paisagista Rosa Kliass

Antônio Agenor Barbosa, Rachel Paterman and Stella Rodriguez

newspaper


© 2000–2019 Vitruvius
All rights reserved

The sources are always responsible for the accuracy of the information provided