Your browser is out-of-date.

In order to have a more interesting navigation, we suggest upgrading your browser, clicking in one of the following links.
All browsers are free and easy to install.

 
  • in vitruvius
    • in magazines
    • in journal
  • \/
  •  

research

magazines

interview ISSN 2175-6708

abstracts

português
Danilo Miranda – gestor cultural e diretor do Sesc São Paulo – é entrevistado por Abilio Guerra, Marta Bogéa e Giovanni Pirelli no programa Transa Marieta, episódio 4.

how to quote

GUERRA, Abilio; BOGÉA, Marta; PIRELLI, Giovanni. Danilo Miranda, um intelectual a serviço do Brasil. Transa Marieta – episódio 4. Entrevista, São Paulo, ano 21, n. 082.07, Vitruvius, jun. 2020 <https://www.vitruvius.com.br/revistas/read/entrevista/21.082/7792>.


Danilo Santos de Miranda

Nascido em Campo dos Goytacazes, Estado do Rio de Janeiro, em 1943, Danilo Miranda é gestor cultural. Desde 1984, é diretor do Serviço Social do Comércio – Sesc do Estado de São Paulo. Membro de conselhos de entidades nacionais diversas – Fundação Bienal de São Paulo, Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand – Masp, Museu de Arte Moderna de São Paulo – MAM-SP, Itaú Cultural, Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin e SP Escola de Teatro –, foi presidente do Conselho Diretor do Fórum Cultural Mundial (2004) e presidente da comissão organizador do Ano da França no Brasil (2009). Sua atuação internacional também abrange a vice-presidência do Conselho Internacional de Bem-Estar Social – ICSW, na sigla em inglês – de 2008 a 2010, além da composição atual da diretoria da ONG Art for the World, sediada na Suíça e dedicada à difusão da arte contemporânea.

Abilio Guerra

Arquiteto (PUC-Campinas, 1982), mestre e doutor em História (IFCH Unicamp, 1989 e 2002), professor da FAU Mackenzie. Membro fundador do Marieta (com Caio Guerra, Giovanni Pirelli, Helena Guerra e Silvana Romano Santos), é editor da Romano Guerra Editora e do Portal Vitruvius ao lado de Silvana Romano. É coautor do livro Rino Levi – arquitetura e cidade (com Renato Anelli e Nelson Kon, 2001), autor de O primitivismo em Mario de Andrade, Oswald de Andrade e Raul Bopp (2010), Arquitetura brasileira: viver na floresta (2011) e Arquitetura e natureza (2017), e organizador de Textos fundamentais sobre historia da arquitetura moderna brasileira (2010), Brasil Arquitetura – Francisco Fanucci, Marcelo Ferraz (com Marcos Grinspun Ferraz e Silvana Romano Santos) e diversos outros livros.

Marta Bogéa

Arquiteta (UFES, 1987), mestre em Comunicação e Semiótica (PUC-SP, 1993), doutora e livre-docente em Arquitetura e Urbanismo (FAU USP, 2006 e 2018). Professora da FAU USP, onde coordenou o curso de graduação (2017-2019) e é bolsista de Produtividade em Pesquisa CNPq n2 (2019-2021). Coordenadora do Programa de Pós-Graduação da USJT (2008-2010). É autora dos livros Two-way street: The Paulist Avenue flux and counter-flux of modernity (San Diego State University Press, 1993) e Cidade errante: arquitetura em movimento (Editora Senac, 2009), frutos do mestrado e doutorado. Curadora da exposição Território de Contato – módulo 1: Cao Guimarães e Brasil Arquitetura; módulo 02: Nicolas Robbio e Marcos Acayaba; módulo 3: MMBB Arquitetos e Gisela Motta & Leandro Lima (Sesc Pompeia, 24 maio – 5 ago. 2012).

Giovanni Pirelli

Produtor cultural e curador, sócio-diretor da empresa de consultoria cultural Cactus e diretor executivo do espaço cultural Marieta. Italiano, frequentou cursos de Literatura Contempora?nea da Universita? degli Studi di Milano e, entre 2012 e 2013, fundou e coordenou o Cubo, incubadora de artistas e projetos culturais, localizada no centro de Mila?o. Em 2013, trabalhou para a revista internacional Vice e foi curador da exposição Pulsar, sobre o trabalho da artista Marinella Pirelli, em Mila?o. Desde 2009 é conservador e promotor do acervo da obra da artista italiana Marinella Pirelli. No Brasil, onde se radicou em 2015, tem colaborado com instituições públicas e privadas, como Instituto Tomie Ohtake, MAB-FAAP, Instituto Goethe, Instituto Bardi e Sesc SP.

Entrevista

A entrevista com Danilo Miranda ocorreu no dia 22 de junho de 2020, segunda-feira, das 18h30 às 21h. O encontro ocorreu virtualmente, via Zoom, e foi transmitido ao vivo no Facebook, na página do projeto Marieta (www.facebook.com/projetomarieta), com as participações dos entrevistadores Abilio Guerra, Giovanni Pirelli e Marta Bogéa, e participação do público, que encaminhou antecipadamente perguntas por escrito, material que serviu de base e referência para as perguntas.

Projeto Marieta

O projeto Marieta é voltado para o pensamento contemporâneo, envolvendo pessoas de gerações e experiências diferentes, se propondo como lugar de criação, debate e difusão de produções artísticas e culturais. A diretoria e conselho curatorial é da responsabilidade do coletivo formado por Abilio Guerra, Caio Guerra, Giovanni Pirelli, Helena Guerra, Silvana Romano Santos, Julia Zylbersztajn e Pedro Santiago. Atualmente conta com as participações de Magaly Corgosinho e Neliane Simioni (assessoria de imprensa); Bianca Leite (artista residente); Julia Rantigueri, Pedro Iwo de la Costa e Flavia Fonseca (colaboradores internos); André Scarpa, Felipe Rodrigues, Julia Vianna, Marina Dias Teixeira e Pablo Figueroa (colaboradores externos); Lírios Spacca (design gráfico); Lucas Minari (tuttofare). O grupo conta com a adesão fundamental de Claudia Romano, Emiliana Romano Santos, Norma Romano Santos (apoio moral) e de Garibaldi Maria Pirelli Guerra, Martino Pirelli Guerra, Piero Pirelli Guerra, Tom Guerra, Francesca Tosi, Francesco Pirelli e Nina (apoio emocional). Nos tempos atuais de pandemia, o espaço está se mantendo aberto e atuante (virtualmente) graças ao apoio de amigos do Marieta, via apoio cultural no website benfeitoria.com/marieta.

Ficha técnica

programa
Transa Marieta – episódio 4

entrevistada
Danilo Miranda

entrevistadores
Abilio Guerra, Giovanni Pirelli e Marta Bogéa

pesquisa
Abilio Guerra

edição
Caio Guerra

produção
Helena Guerra e Silvana Romano Santos

data
22 de junho de 2020, 18h30

divulgação
transmissão ao vivo via Facebook
publicação posterior no portal Vitruvius

Sesc no portal Vitruvius

ALMEIDA, Lutero Proscholdt. Dobras Deleuzianas, Desdobramentos de Lina Bo Bardi. Considerações sobre “desejo” e o “papel do arquiteto” no espaço projetado. Arquitextos, São Paulo, ano 13, n. 146.01, Vitruvius, jul. 2012 <www.vitruvius.com.br/revistas/read/arquitextos/13.146/4422>.

BISELLI, Mario; LIMA, Ana Gabriela Godinho. Estratégias contemporâneas de projeto na cidade de São Paulo. Instituto Moreira Salles e Sesc 24 de Maio. Arquitextos, São Paulo, ano 18, n. 216.00, Vitruvius, maio 2018 <www.vitruvius.com.br/revistas/read/arquitextos/18.216/6989>.

DAL PIAN, Lilian; DAL PIAN, Renato. Sesc Guarulhos. Projetos, São Paulo, ano 19, n. 226.01, Vitruvius, out. 2019 <www.vitruvius.com.br/revistas/read/projetos/19.226/7492>.

DIAS, Bruno; ABASCAL, Eunice Sguizzardi. Sesc Pompeia, Casa de Vidro e Masp. A coerência projetual entre arquitetura e o mobiliário nas obras de Lina Bo Bardi. Minha Cidade, São Paulo, ano 17, n. 200.07, Vitruvius, mar. 2017 <www.vitruvius.com.br/revistas/read/minhacidade/17.200/6478>.

FERRAZ, Marcelo Carvalho. Numa velha fábrica de tambores. Sesc Pompeia comemora 25 anos. Minha Cidade, São Paulo, ano 08, n. 093.01, Vitruvius, abr. 2008 <www.vitruvius.com.br/revistas/read/minhacidade/08.093/1897>.

FERRAZ, Marcos Grinspum. Lina Bo Bardi. A arquiteta antropóloga. Arquitextos, São Paulo, ano 15, n. 174.01, Vitruvius, dez. 2014 <www.vitruvius.com.br/revistas/read/arquitextos/15.174/5355>.

GODINHO, André; FREIRE, Anita; ARRUDA, Carlos Augusto; SACCONI, Carolina; CHIAVONE, João; DONDO, Marcelo; DOMSCHKE, Vera. Sesc Franca. Projetos, São Paulo, ano 13, n. 149.02, Vitruvius, maio 2013 <www.vitruvius.com.br/revistas/read/projetos/13.149/4750>.

GUERRA, Caio. Mais de mil brinquedos para a criança brasileira. Exposição comemora aniversário do Sesc Pompeia. Arquiteturismo, São Paulo, ano 07, n. 080.01, Vitruvius, out. 2013 <www.vitruvius.com.br/revistas/read/arquiteturismo/07.080/4932>.

KÖNIGSBERGER, Jorge; VANNUCCHI, Gianfranco; TOLEDO, Daniel. Sesc Avenida Paulista. Projetos, São Paulo, ano 18, n. 208.02, Vitruvius, abr. 2018 <www.vitruvius.com.br/revistas/read/projetos/18.208/6955>.

LIMA, Evelyn Furquim Werneck. Por uma revolução da arquitetura teatral:. O Oficina e o SESC da Pompéia. Arquitextos, São Paulo, ano 09, n. 101.01, Vitruvius, out. 2008 <www.vitruvius.com.br/revistas/read/arquitextos/09.101/100>.

LIRA, José. Sesc 24 de Maio. O projeto mais fortemente urbano de Paulo Mendes da Rocha. Projetos, São Paulo, ano 17, n. 200.02, Vitruvius, ago. 2017 <www.vitruvius.com.br/revistas/read/projetos/17.200/6654>.

PIRAZZOLI, Giacomo. Paulo Mendes da Rocha: sobre o edifício Sesc 24 de Maio. Entrevista a Giacomo Pirazzoli. Entrevista, São Paulo, ano 19, n. 075.01, Vitruvius, set. 2018 <www.vitruvius.com.br/revistas/read/entrevista/19.075/7107>.

PORTAL VITRUVIUS. SESC Guarulhos. Concurso de propostas arquitetônicas. Projetos, São Paulo, ano 10, n. 109.03, Vitruvius, jan. 2010 <www.vitruvius.com.br/revistas/read/projetos/10.109/3558>.

PUNTONI, Alvaro; SODRÉ, João; GOUVÊA, José Paulo; ROCHA, Pedro Mendes da. Sesc Limeira. Primeiro lugar em concurso nacional de projetos. Projetos, São Paulo, ano 17, n. 201.05, Vitruvius, set. 2017 <www.vitruvius.com.br/revistas/read/projetos/17.201/6704>.

ROCHA, Paulo Mendes da; FRANCO, Fernando de Mello; MOREIRA, Marta; BRAGA, Milton. Sesc 24 de Maio. Projetos, São Paulo, ano 18, n. 206.02, Vitruvius, fev. 2018 <www.vitruvius.com.br/revistas/read/projetos/18.206/6886>.

RODRIGUES, Felipe SS. Dois corpos ocupam o mesmo lugar no espaço. Arquitetura do Sesc 24 de Maio de Paulo Mendes da Rocha. Projetos, São Paulo, ano 17, n. 201.02, Vitruvius, set. 2017 <www.vitruvius.com.br/revistas/read/projetos/17.201/6673>.

SANOVICZ, Abrahão; ELITO, Edson Jorge. Sesc Araraquara. Projetos, São Paulo, ano 04, n. 041.05, Vitruvius, maio 2004 <www.vitruvius.com.br/revistas/read/projetos/04.041/2338>.

SHUNDI, Cesar; GURIAN, Eduardo, AYOUB, Helena; SALVADOR, Bruno. Sesc Riberão Preto. Projetos, São Paulo, ano 13, n. 150.02, Vitruvius, jun. 2013 <www.vitruvius.com.br/revistas/read/projetos/13.150/4769>.

comments

082.07
abstracts
how to quote

languages

original: português

share

082

082.01

Peter Eisenman in loco

Sérgio M. Marques, Mônica L. Bohrer and Lucas Canez M. Marques

082.02 literatura

Milton Hatoum: literatura em tempos de cólera política e pandemia de coronavírus

Abilio Guerra, Augusto Massi and Julia Bussius

082.03

Entrevista com Hernán Díaz Alonso

Sérgio M. Marques, Mônica L. Bohrer and Lucas Canez M. Marques

082.04 hq, música e cinema

Arrigo Barnabé

Abilio Guerra and Silvana Romano Santos

082.05 cidade e sociedade

Erminia Maricato, arquiteta, professora, gestora pública e ativista social

Abilio Guerra, Celso Aparecido Sampaio, João Sette Whitaker and Lizete Maria Rubano

082.06

Processos de diversidade nas práticas projetuais

Oscar Eduardo Preciado Velasquez

newspaper


© 2000–2020 Vitruvius
All rights reserved

The sources are always responsible for the accuracy of the information provided